R. Américo Macedo, 348, Gutierrez

Belo Horizonte, MG

FALE CONOSCO:


Dizer que um imóvel é tombado, significa que o Poder Público inferiu sobre ele valor histórico e por isso deve ser preservado. A Constituição Federal de 1988 define que esses bens guardam “referência à identidade, à ação, à memória dos diferentes grupos de formadores da sociedade brasileira”

Ainda na administração do Presidente Marcelo Figueiredo, o BARROCA foi procurado pela empresa Decisão Engenharia que trouxe a baila um alerta e uma ousada proposta. O alerta dizia respeito à possibilidade da sede social do BTC vir a ser tombada, encontrando-se listada para o fim pela Secretaria Municipal de Cultura.

Já a proposta ousada se materializou na utilização do eventual tombamento como forma de alavancar recursos para a revitalização da própria sede e de outras obras de interesse do BTC.

Fazendo do limão a limonada, o Barroca transformou uma possível situação de limitação e perda de parte dos seus direitos de propriedade, decorrentes do eventual tombamento, em algo muito benéfico ao clube, vez que como resultado das medidas adotadas, entre outras, decorreram:

1) Regularização de todas as áreas do BTC que, até então, no cartório de imóveis, era composta apenas por lotes sem benfeitorias;

2) Significativa redução do IPTU do Clube;

3) Formação de um bolsão financeiro;

4) Obtenção de todas as licenças, autorizações, alvarás e permissões oficiais para a instalação e funcionamento do Clube, cumprindo TAC firmado com o MP em 2005;

5)  Atendimento às condicionantes do processo de tombamento mediante realização de intervenções pontuais na sede social e seus arredores;

e, mais importante;

6) A realização das obras necessárias à recomposição da sede do BTC aos moldes de sua inauguração e a revitalização e rejuvenescimento de todas as demais áreas do Clube.

Com a decretação do tombamento da sede do BTC, que se deu em tempo recorde,  coube a atual Diretoria, com o apoio da Decisão Engenharia, cuidar das UTDCs, que são títulos comercializáveis relativos ao potencial de construção, expedidos pela PBH em indenização pelos efeitos jurídicos do tombamento da sede.

Atual Diretoria Executiva e Assessoria Jurídica do BTC

Coube a atual Diretoria atender as condicionantes do processo de tombamento, exigidas pela Secretaria Municipal de Cultura, aprovar junto a Secretaria Municipal de Política Urbana tanto os projetos de revigoração da Sede, de renovação da Sauna Masculina e do espaço gourmet, e de regularização das demais áreas do clube. Esta última originalmente distinta das demandas do processo de tombamento, mas que a este se anexou em virtude das interferências e comunicações das atividades envolvidas.

A caminhada até o presente momento não foi fácil e também não será fácil cumprir com os desafios futuros, mas a atual gestão se mantém firme no propósito de entregar aos associados a sede social com a originalidade do dia que foi inaugurada, devidamente revitalizada, e um clube moderno, atual em todas as suas instalações, contemplando seu passado vivo e um futuro promissor. Esta é a meta da atual Diretoria e da família barroquense.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
QUER APROVEITAR MELHOR SUAS HORAS DE LAZER?
Siga o Barroca

Acesse nossas redes sociais.

assine a newsletter

Cadastre seu e-mail para receber novidades sobre o Barroca, agenda de eventos, promoções e muito mais.

Dev by